sangue menstrual

O que diz o sangue menstrual sobre a saúde?

O sangue menstrual tem sido um tabu desde há muitos anos. Os livros sagrados de diferentes religiões como o Cristianismo e o Islão relacionam o período de sangramento da mulher como algo que as torna impuras. Vistos estes antecedentes, não é de estranhar que o tabu em redor do sangue menstrual e do período em si, seja ainda vigente. Não obstante, em outras culturas, a menstruação tem uma conotação fortalecedora. Por exemplo, a tribo Mbuti da República Democrática do Congo dispõe de uma cabana menstrual, onde acorrem as jovens que têm o seu primeiro período juntamente com amigas e parentes femininas para celebrar esta bênção. É, além disso, a maior cabana da tribo, pelo que fazemos uma ideia da importância que dão à menstruação.

Descobrir a saúde através do sangue menstrual

O sangue menstrual é composto por muco cervical, sangue, secreções vaginais e um terço do tecido do endométrio (a outra parte é reabsorvida pelo corpo, como explica a pedagoga menstrual Erika Irusta a Smoda no El País).

Observar este sangue pode dizer muito sobre a saúde, pelo que em vez de o ocultar e sentir-se envergonhada por estar menstruada, deve-se prestar atenção. A sua cor indica se tudo está bem ou se, contrariamente, se deve fazer uma visita ao ginecologista. Quais são as diferentes cores que pode ter o período?

  • Vermelho ou rosa pálido. Estas tonalidades aparecem nos primeiros dias da menstruação. Se perdurar, pode indicar um desajuste hormonal como, por exemplo, baixo nível de estrogénios, infeções ou défice de ferro. Dependendo da idade, também pode significar que a menopausa está a aproximar-se. Em oposição, se se tomarem contracetivos, este tom é completamente normal.
  • Vermelho alaranjado: Esta cor de sangue menstrual pode dever-se à mistura como fluxo cervical, o que seria normal. Não obstante, se vier acompanhado por um forte odor desagradável, poderá tratar-se de uma infeção.
  • Vermelho brilhante: Sangramento habitual dos dias mais intensos da menstruação. É a cor mais comum, mas se durar mais de 8 dias deveria visitar o médico.
  • Vermelho escuro: é sangue antigo ou velho, aparece nos últimos dias da menstruação ou também nos primeiros, quando se expulsam restos da menstruação anterior.
  • Castanho escuro: restos de tecido do endométrio no sangue. Não obstante, também pode indicar que é “sangramento de implantação”. Designa-se assim o sangramento que por vezes ocorre quando um embrião fecundado se implanta no endométrio. Pode durar umas horas ou uns dias, mas não mais de cinco.
  • Cinzento com riscas vermelhas. Pode ser sinal de uma infeção causada por uma doença sexualmente transmissível (DST). Por oposição, se estiver grávida (ou acredita que poderá estar) poderá tratar-se de um aborto espontâneo. Em ambos os casos, deve-se ir ao ginecologista o mais rapidamente possível.

Imaginavam este leque de cores? Ver o sangue num recipiente é um dos entraves de muitas mulheres na hora de passar para o copo. Como dissemos no início, deve-se aos preconceitos vinculados desde há tantos anos, que conotam a menstruação como algo “sujo”, “impuro” ou “má sorte”. Também se veiculou a crença de que o período era uma doença ou um castigo e, contudo, é exatamente o contrário: indica-nos como estamos de saúde e permite-nos dar vida. Por isso, se o sangue é um dos travões na hora de passar para o copo, abram os olhos a esta realidade e fixem-se mais na vossa menstruação, pois fará com que se conheçam melhor.

Compartir:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Posts relacionados

cambiar copa menstrual

Quando trocar o meu copo menstrual?

Quando trocar o meu copo menstrual? Como sei que já não tenho de usá-lo mais? É verdade que tem uma duração de 10 anos? Estas são algumas das questões que recebemos através dos nossos canais de apoio às utilizadoras. Embora o copo menstrual possa durar 10 anos, muitas mulheres consideram que é demasiado tempo, devendo trocá-lo antes,

Primeira menstruação após o parto

Primeira menstruação após o parto: quando e o que esperar?

A primeira menstruação após o parto não tem uma data de regresso específica. O regresso da menstruação depois de uma gravidez, do parto e do período pós-parto não é uma ciência exata. As hormonas de cada mulher afetam e atuam de modo diferente. Um fator importante para realizar os cálculos é se o seu bebé

Menstruação dolorosa

Menstruação dolorosa: quando e porquê

Uma menstruação dolorosa é um sintoma de que algo não funciona corretamente. Uma menstruação saudável deveria significar ausência de dor; poderá existir desconforto e incómodo, incluindo nos dias anteriores, porém, a dor não deverá ser incapacitante nem condicionar o dia a dia. O termo que designa as dores durante a menstruação é dismenorreia, que apresenta

Copa menstrual y primera menstruación

Copo menstrual e primeira menstruação, uma boa combinação

Usar o copo menstrual na primeira menstruação é possível. Não há contraindicações para que uma mulher utilize enna cycle no início da vida menstrual. O tamanho S e, especialmente, o tamanho S short do starter kit podem adaptar-se facilmente às características das adolescentes.    3 motivos para usar o copo menstrual desde a primeira menstruação

cuánto dura la menstruación

Quanto tempo dura a menstruação?

Quanto tempo dura a menstruação? Existem tantas respostas quantas as menstruações. Embora a média seja de 4 a 5 dias, isso não significa que seja sempre assim ou em todos os ciclos.  Os dias de sangramento, que vão de 2 a 7, são considerados uma menstruação normal, mas, por outro lado, se forem mais do